Meus 10 motivos para votar na Dilma

1) Continuidade de um programa que vem dando certo: ela representa um programa de governo não a si mesma;

2) Opção ideológica: a chapa de Dilma representa um conjunto de crenças que defendo;

3) A política econômica é bem sucedida: nunca a população teve tanto acesso aos bens de consumo duráveis “It’s the economy, stupid!”; (foi pela mesma razão que o FHC se reelegeu em 1998)

4) A chapa concorrente representa um tipo de gente que me causa náuseas: ouvir os serristas falarem só me dá mais vontade de ver a Dilma presidente, não quero ter um presidente que represente pessoas que preferem a agressão e a calúnia ao debate sério: 80% votarão no Serra simplesmente porque detestam o Lula e o PT, não se preocupam com propostas ou programas de governo;

5) A oportunidade de fazer história: quero ajudar a eleger a primeira mulher presidente;

6) Ela tem personalidade suficiente e não é marionete: por mais que a oposição tente pintá-la como uma construção do Lula e do PT, a história dela na vida pública mostra que ela sempre ocupou cargos importantes e é uma mulher de fibra que não vai servir ao jogo sujo da ala pobre do partido (por mais que eu não concorde com a presença de certos companheiros lá dentro, acredito que o PT e o que ele representa ainda são maiores do que uma meia dúzia de aloprados);

7) A chapa serrista usa e abusa do estratagema 38 de Schopenhauer (Como vencer um debate sem precisar ter razão):

“Quando percebemos que o adversário é superior … nos tornamos pessoalmente ofensivos, insultuosos e grosseiros. O uso das ofensas pessoais consiste em sair do objeto da discussão (já que a partida está perdida) e passar ao contendor, atacando, de uma maneira ou de outra, a sua pessoa.”

Isso só possui uma explicação: como não conseguimos ganhar no debate das propostas, vamos atacar a candidata.

8) A manutenção do debate e do apoio às minorias;

9) Continuidade de investimentos na educação e na valorização do servidor público:  É só ver a expansão das vagas nas universidades federais, o crescimento dos institutos tecnológicos e centros de ensino técnico, ofertas de bolsas de pós-graduação;

10) Investimentos em infra-estrutura: tem o PAC, diante da crise o governo não cortou gastos, o que seria a estratégia natural da ortodoxia. Na crise de 1929 os Estados Unidos se reergueram com investimento maciço do governo em infra-estrutura, gerando emprego e renda, o New Deal, daí veio a Segunda Guerra e gerou mais empregos;

Sem falar que enquanto a propaganda da situação insiste na comparação entre os programas e políticas de governo a oposição insiste nos ataques sistemáticos à Dilma e nas promessas demagógicas: aumento de salário, aumento para aposentados, mais hospitais, mais polícia (desde quando é missão do governo federal criar polícia? isso é se negar a investir nas polícias dos estados, se negar a investir nos batalhões de fronteira, se negar a fazer acordos de cooperação com os países vizinhos no combate ao tráfico).

Anúncios

Um comentário sobre “Meus 10 motivos para votar na Dilma

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s